quarta-feira, 11 de junho de 2014

OPERAÇÃO CONJUNTA DA CIOSAC, NIA, FORÇA VOLANTE E ROCAM DO 15º BPM PRENDE ACUSADOS DE ASSALTOS NA REGIÃO AGRESTE







Na tarde de ontem (10), a CIOSAC (Companhia Independente de Operações e Sobrevivência em Área de Caatinga), NIA (Núcleo de Inteligência do Agreste), FORÇA VOLANTE E ROCAM DO 15º BPM, realizaram operação conjunta na cidade de Caruaru e Sítio Lagoa da Pedra, zona rural do município, após prisão de MARCOS RODRIGUES DOS SANTOS, 32 anos, acusado de 02 homicídios e foragido do presídio de Arcoverde; e ANTONIO DE ARAUJO SILVA, 43 anos, preso por porte ilegal de arma de fogo e falsidade ideológica, foragido do presídio de Canhotinho. Os dois também são acusados de trocarem tiro com o efetivo da ROCAM do 15º BPM, na cidade de São Caetano, onde um de seus comparsas foi morto, e os mesmos conseguiram se evadir, e ainda, são acusados da prática de vários assaltos na região. Após serem presos portando uma pistola calibre 380, foram indagados sobre a localização de sua residência, no entanto, forneceram endereço errado, e, através de levantamentos realizados pela Subseção de Informações da CIOSAC, os policiais chegaram ao endereço real, localizado no Sítio Lagoa da Pedra, zona rural de Caruaru. Na residência, foram encontrados os seguintes materiais: 01 espingarda cal.12, modelo 586 CBC pump, numeração raspada; 01 pistola pt 585, calibre 380; 01 pistola pt 58/HC; 03 carregadores pt 380; 01 carregador calibre 45; 02 munições calibre 7.62; 25 munições calibre .40; 61 munições calibre 380; 24 munições calibre 44; 13 munições calibre 12; 03 toucas ninja de cor preta e 03 casacos. Duas mulheres, LIVIA RAFAELY BERNARDES DE ARAUJO, 20 anos, e PAULA FERNANDA DINIZ CLEMENTINO, 21 anos, também foram detidas na operação, acusadas de guardar as armas e munições da quadrilha. Os detidos foram conduzidos à Delegacia de Polícia Regional de Caruaru, onde foram atuados em flagrante delito por formação de quadrilha e porte ilegal de armas de fogo. Os homens foram encaminhados para a Penitenciária Juiz Plácido de Souza, em Caruaru. As mulheres foram encaminhadas para a Colônia Penal Feminina da cidade de Buíque.

Nenhum comentário:

Postar um comentário